Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tatu Bola e Taco de Baseball enfrentam Massa Bruta - parte 8 de 8

Capítulo 8
A luta do século
Round 4
Nocaute
Tatu-Bola sugou a energia do solo, das plantas e das árvores, que definhavam. Tinha Tatu-Bola o dobro das suas dimensões originais.
E em pé Tatu-Bola acenou para Taco de Baseball.
Durante esse meio tempo, Massa Bruta tentou desvencilhar-se dos tentáculos que, presos aos pés dele, o mantinham sobre a plataforma flutuante. Urrava de raiva. Ameaçava os seus oponentes:
– Matarei vocês, vermes! Sou Massa Bruta, o Conquistador! Reduzirei vocês a pó! Sou Massa Bruta, o Esmagador!
Seus berros percorreram toda a cidade de São Paulo. Chegaram aos ouvidos de milhões de pessoas. Pareceu a muita gente que Massa Bruta estava anunciando o apocalipse.
Com a sua força descomunal, Massa Bruta arrancou de si alguns tentáculos, e arremessou-os longe. Os tentáculos arremessados por ele, contorcendo-se, regressaram ao planador, do qual destacaram-se outros tentáculos, que se enrodilharam aos pés e às pernas de Massa Bruta, impedindo-o de livrar-se do planador. E exacerbava-se a fúria de Massa Bruta, que usou de todas as suas forças para desvencilhar-se dos tentáculos.
Taco de Baseball segurou o taco de baseball com as duas mãos, e para ele transferiu toda a energia da armadura. Alterou-se a aparência do taco de baseball, cujas dimensões ampliaram-se, e cujo formato, modificando-se, adquiriu o de placa, e encompridou-se, conservados o formato e as dimensões originais da empunhadura.
E o taco de baseball cintilou. Emitiu brilho azul-dourado.
Do chão, Tatu-Bola, com prodigiosa força dos músculos das pernas, saltou, para um ponto entre Taco de Baseball e Massa Bruta. Do prédio, Taco de Baseball, o taco em punho, saltou. Os movimentos dos dois heróis, sincronizados.
Massa Bruta não tomou conhecimento dos movimentos dos seus oponentes.
Assim que se aproximou de Tatu-Bola, que se convertera em uma imensa esfera acobreada, Taco de Baseball golpeou-o com o taco de baseball, com força imensurável, provocando uma onda de energia, que destruiu tudo num raio de cem metros. E Taco de Baseball foi arremessado para trás, contra um prédio, e Tatu-Bola rumou, em direção a Massa Bruta, que contraiu os músculos da face e tentou desvencilhar-se dos tentáculos que o prendiam ao planador a mais de cinquenta metros de altura. Tatu-Bola cobriu a distância do ponto em que Taco de Baseball golpeou-o até Massa Bruta em uma fração de um segundo. A colisão dele contra Massa Bruta produziu uma onda de energia devastadora, que abriu uma cratera no chão abaixo deles e reduziu prédios a estilhaços. E ergueu-se nuvem de pó e detritos. Prédios, em toda a cidade de São Paulo, vibraram com tremores; alguns foram seriamente danificados. Dissipada a nuvem, pôde-se ver, elevando-se no céu, o planador azul prateado indo em direção ao prédio em que se encontrava Taco de Baseball. Sobre o planador, um corpo disforme, de homem, estirado de barriga para baixo, braços e pernas manietados. Era Massa Bruta, cujas dimensões haviam se reduzido à metade. Estava desacordado; conservava o seu aspecto grotesco. De sob os destroços emergiu Tatu-Bola, reconstituído às suas dimensões originais. E Taco de Baseball subiu ao planador, averiguou o estado de Massa Bruta, e rumou até Tatu-Bola. Uma saliência em forma de argola destacou-se da face inferior do planador, conservando-se nele presa. E Tatu-Bola pulou, e segurou-a. E elevou-se no céu o planador, em cuja face superior estavam Tatu-Bola, Taco de Baseball e Massa Bruta. À altura de três mil metros, desapareceram o planador e os seus passageiros num clarão enceguecedor.
E muitas pessoas aventaram hipóteses para explicar o ocorrido:
– Eles entraram em uma dobra espacial.
– Eles viajaram, através do tempo, para o futuro.
– Eles teletransportaram-se.
– Teletransportaram-se para outra dimensão.
– Eles se invisibilizaram, e rumaram para algum lugar de São Paulo.
E perguntavam, em todo o mundo:
– Quem são aquelas três criaturas?
– Quem é Tatu-Bola?
– Quem é Taco de Baseball?
– Quem é Massa Bruta?
– Por que Massa Bruta queria destruir a cidade de São Paulo?
*
Os bombeiros contiveram as chamas que crepitavam em vários pontos da cidade de São Paulo.
A polícia, com o apoio irrestrito da população, reconquistou os bairros horas antes conquistados pelos criminosos.
Os serviços de demolição e limpeza principiaram a limpar as ruas devastadas durante o embate entre Tatu-Bola, Taco de Baseball e Massa Bruta. Removeram entulhos, ferros retorcidos, veículos carbonizados. A reconstrução das áreas mais afetadas estender-se-ia por meses. E muitos corpos foram encaminhados às salas de autópsias, e aos necrotérios, e aos velórios, e aos cemitérios. E os feridos, milhares, receberam os cuidados médicos, alguns recompuseram-se, outros, às portas da morte, foram internados em UTIs.
*
No prédio da emissora de televisão C* conferenciavam Carlos Roberto, o editor, e Larissa, Carla e Rodolfo quando adentraram à sala Olavo e Paulo, ambos esbaforidos, e olhares indagadores convergiram para eles.
– Onde vocês se meteram? – perguntou-lhes, disparando-lhes a pergunta, Carlos Roberto. – Que diabos! Onde vocês estavam?
– Fomos registrar, no hospital J*, o atendimento aos feridos, e na rua D* e B*, o pandemônio.
– Muito conveniente o desaparecimento de vocês – observou Rodolfo. – Vocês desapareceram logo após o aparecimento do Massa Bruta.
– E daí? – perguntou Olavo, intrigado.
– Aonde você quer chegar? – indagou Paulo.
– Qual de vocês é o Taco de Baseball e qual de vocês é o Tatu-Bola? – perguntou-lhes, sério, Rodolfo.
– O quê? – perguntaram Olavo e Paulo, simultaneamente.
– Muito suspeito sumiço de vocês dois – comentou Carla.
– Vocês lêem muito gibi em quadrinhos de super-heróis – comentou Olavo. – Só porque não estávamos onde os heróis estavam, somos eles? Que ridículo.
– O Olavo tem razão – secundou-o Paulo. – O que vocês disseram é ridículo.
*
No Corpo de bombeiros, chegaram Paulo Cearense e Ricardo, e para eles muitos olhares reprovadores convergiram. Paulo Cearense e Ricardo justificaram a ausência, e relataram o que lhes sucedeu durante o dia.
*
Na delegacia de polícia, na sala de reuniões, os policiais Vasconcelos e Duarte justificaram a ausência, disseram ao capitão Mascarenhas porque haviam se retirado sem avisá-lo; na turbamulta reinante, decidiram atender a chamados de socorro. Todas as suas explicações foram acolhidas.
*
Perguntaram-se, neste dia e nos dias que se seguiram, pessoas em todo o mundo:
– Quem é o Tatu-Bola?
– Quem é o Taco de Baseball?
*
E a cidade de São Paulo retornou à normalidade… à normalidade da cidade de São Paulo.
Ilustre Desconhecido
Enviado por Ilustre Desconhecido em 24/09/2019
Código do texto: T6752724
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ilustre Desconhecido
Pindamonhangaba - São Paulo - Brasil
592 textos (8365 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/11/19 14:32)