Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MINHAS MEMÓRIAS ( 13 ) - MINHA SORTE E MEU DESTINO...



Minhas memórias ( 13 )  -  As boas novas...



Com a minha atuação na profissão nem sempre tive amigos sinceros e alguns nem posso dizer que são amigos, pois enquanto tu confias e conta com tais amigos tu és apunhalado pelas costas e claro são as nossas pedras no caminho...

Saindo da empresa devido desvios de finalidades que tive que assumir pois foi na minha gestão na empresa com problemas financeiros e assim fui em busca de novos desafios mas realmente com muita sorte pois já na semana seguinte já estava de novo bem empregado numa empresa de fabricação de equipamentos de injeção de plásticos, que já tinha uma boa experiência anterior e assim de novo convivi com bons profissionais que me apoiaram e fizemos excelente trabalho e tal amigo que foi meu chefe na Constanta Eletrotécnica agora era meu Supervisor de Assistência Técnica nessa empresa Petersen & Cia. Ltda. onde de novo era eu o Gerente da Fábrica...

Assim vendiamos produtos já com boa aceitação e claro com a minha experiência anterior pude dar mais pujança para novos clientes como a Volkswagem do Brasil adquirindo nossos produtos e ficando muito satisfeitos pela produção sem o mínimo de problemas de manutenção corretiva, pois bastava uma preventiva que tudo a contento ser realizaria...

Mas como sempre fui muito seguro nos meus propósitos não aceito ordens erradas seja de quem for... e um diretor recem admitido na empresa proveniente da Alemanha que se dizia especialista em Metalurgia que fez um pedido para o suporte das ferramentas da injetora de aço 1040... que eu disse a ele que esse aço não suportaria o peso dos moldes... e nosso setor de compras comprou tal material quando o correto deveria ser 8640 um aço liga que suportaria qualquer peso de movimento constante de vai e vem de uma ferramenta de 2 toneladas ...

Assim quando colocaram a  injetora para funcionar na Volkswagem para fazer os paíneis plásticos simplesmente as 4 barras de sustentação  não aguentaram e ainda danificaram os moldes... claro que a culpa recaiu em nós fabricantes e não na escolha do material errado que eu alertara... e também não assinei o pedido de compra pois não concordava com tal aquisição...

Mas com certeza sabia antecipadamente do resultado, mas quem somos nós para discutir com um amigo do Presidente e dono a empresa que contrata um alemão que se acha o dono do mundo e o rei da sabedoria... e quem somos nós que iriamos contrariar tal imbecilidade... alertado que o material não era adequado e iria causar problemas foi dito e claro que sempre as atas de reunião tinham as nossas opiniões de tal fato... que o diretor puniu a mim e ao alemão que fomos dispensados pelo prejuízo a empresa!!! Mas o melhor castigo de tal diretor alemão foi ele querer mostrar ao cliente que sabia trabalhar com o equipamento mas não notou que o funcionário usava luvas pois a lata onde continha a matéria prima que era material granulado plástico estava aquecido a 150 graus.. e a lata estava com no mínimo 120 º graus Celsius positivos... e ele pegou a lata sem luvas... que queimou a sua mão direita toda... e queria mandar o funcionário embora... o que eu não admiti... que ele deveria ter pedido a luva de raspa de couro que protege a mão... e não pegá-la sem luvas!!!

E na feira de Equipamentos eu avisei que a magueira de pressão que ele havia adquirido não serveria para ser utilizado no equipamento e quis testar em plena feira e vazou óleo em cima dos convidados e ele levou um belo banho de óleo quente de novo!!! Deus tarda mas não falha!!! E o meu santo é forte!!! Pena que eu não estava lá presente para rir de suas imbecilidades!!!

Assim que sai da empresa deixei o meu currículo na empresa Metalúrgica Faço na mesma avenida da empresa anterior e na semana seguinte já estava responsável pela nova atribuição de Coordenador da Qualidade da empresa!!!

Nota do autor:- Sempre fui honesto e trabalhador mas jamais sou " puxa saco de chefe incompetente " e não mando recado respondo na hora e isso nem sempre agrada quem recebe uma resposta que não lhe satisfaça!!! Mas isso sempre me manteve de cabeça erguida que faço o certo na primeira vez não gosto de retrabalho por falta de conhecimento e incompetência!!!!



Ivan Tadeu dos pobres
Enviado por Ivan Tadeu dos pobres em 06/03/2021
Reeditado em 06/03/2021
Código do texto: T7199591
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Ivan Tadeu dos pobres
Praia Grande - São Paulo - Brasil, 76 anos
5069 textos (79104 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/05/21 01:19)
Ivan Tadeu dos pobres