Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Áudio
ANTIDIÁRIOS DE JUNHO XX
Publicado por: Marlos Degani
Data: 20/06/2020
Classificação de conteúdo: seguro
Créditos:
TÍTULO DO POEMA: ANTIDIÁRIOS DE JUNHO XX
AUTORIA E INTERPRETAÇÃO: MARLOS DEGANI


Texto

ANTIDIÁRIOS DE JUNHO XX

Estendo sobre o varal farpado do vento, sob a noite estanho
e molhada, uns dos meus versos confusos e momentâneos

que, mesmo pesados, decolam leves e sobrevoam este agora
dos poros que se molham na ânsia instável de como devoram

— além da paz — a alma tremida: esta dor fluída, e contida,
que esquenta e esfria por entre as vielas roxas das vísceras.

Vejo a inércia das horas e os ponteiros que somem do relógio
anti-horário que não presta mais, pois já rompeu sua órbita.

No caixão mole da cama sofro espasmos no hall da espinha
e no susto eu sinto aquele nó invisível e veloz de uma asfixia

que vem e mora. Corta e voa. Volta e sangra. Vai, mas fica.
O poema não anuncia a quase meia-noite que se aproxima.
Marlos Degani
Enviado por Marlos Degani em 20/06/2020
Código do texto: T6983064
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Marlos Degani
Nova Iguaçu - Rio de Janeiro - Brasil, 51 anos
247 textos (1170 leituras)
78 áudios (579 audições)
1 e-livros (12 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/08/20 07:58)
Marlos Degani
Rádio Poética