Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Áudio
ANTIDIÁRIOS DE JUNHO XI
Publicado por: Marlos Degani
Data: 12/06/2020
Classificação de conteúdo: seguro
Créditos:
TÍTULO DO POEMA: MARLOS DEGANI
AUTORIA E INTERPRETAÇÃO: MARLOS DEGANI


Texto

ANTIDIÁRIOS DE JUNHO XI

Procuro um verso na noite azul e ametista.
Tento baixar aquela estrela na minha lista

e ouvir os lamentos de quem sozinha brilha
no meio do nada ou em algo que não exista

entre dois polos aleatórios que se atrevem
a roçar seus limites na sala cinza do cérebro.

Folheio vários livros. Abro e fecho os arquivos.
Corro o dedo no drive. Subo e desço e respiro

quase ofegante enquanto os miolos são fritos
nesta azia dos signos, no refluxo dos sentidos:

quando eu escrevo toda a temperatura aumenta...
A perna treme. A mão sua. E onde está o poema?
Marlos Degani
Enviado por Marlos Degani em 12/06/2020
Código do texto: T6975263
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Marlos Degani
Nova Iguaçu - Rio de Janeiro - Brasil, 51 anos
247 textos (1170 leituras)
78 áudios (579 audições)
1 e-livros (12 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/08/20 01:29)
Marlos Degani
Rádio Poética