Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Procuradora Dogde não fez a diferença

A procuradora-geral da República Raquel Dodge termina seu mandato na próxima terça-feira (17). A verdade: ela vai tarde e não deixa saudades pela atuação na PGR. Seu mandato não foi marcado pela combatividade. Ela bem que poderia ter sido firme no combate a corrupção.

É como diz Bernardo de Mello Franco: ''Em janeiro, a procuradora festejou o início de ''um mandato de mudanças'', que renovaria ''a esperança dos brasileiros''. ''Nos meses seguintes, segurou investigações que envolviam o presidente e virou figurinha fácil em solenidades no Planalto''.

Ao contrário: quis agradar Jair Bolsonaro e ficar mais tempo no cargo. Não deu certo. O subprocurador-geral Augusto Aras, provavelmente, ocupará o cargo. Ele foi indicado pelo presidente. Outra coisa, em despedida, Dodge fez um discurso bonito. A meu ver, seu texto não condiz com seu desempenho na PGR.
GREGOHELENO
Enviado por GREGOHELENO em 13/09/2019
Reeditado em 15/09/2019
Código do texto: T6743942
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
GREGOHELENO
São Paulo - São Paulo - Brasil
93 textos (4386 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/08/20 17:46)