Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O que a educação nos traz

Condicionantes que a educação no dar, ser estudante é boa, se amar e ser bem quisto pelos outros. A educação em suas vertentes mostra o caráter amoroso de educar e se aprender pelo método de tentativa e de erro. O coração do estudante é lembrado nos tempos de avaliação, com todo destemor e cultura da matéria presente e que apena alivia a tensão da prova. Ser estudante ou discente é maravilhoso para o aluno, aprendendo e resolvendo, por exemplo, questões de matemática ou qualquer outra dificuldade com caráter ótimo de aprendizado. Somos bombardeados por infinitas aulas e matéria, todos os dias viventes em nossas vidas. Porém a educação é o alicerce básico do ser humano vivente e poente. O coração do educador é lembrado com todo o fervor e somos alvejados todos os dias por conteúdos positivos e negativos, sendo que o semblante de aprender é se reconhecer que não sabemos tudo e estamos sempre aprendendo conosco e com os outros. O professor é sempre forte para ensinar e querer bem porque é ele o valor maior do conteúdo de aprendizado para o aluno e para ele também. A educação é fomentada como paradigma excelso do caráter e de poder sobre a sociedade. O aluno e a aluna são capacitados para estudar e ser feliz no estudo e na vida profissional, pelos meios acadêmicos e discentes.
O ser docente quer apenas ensinar e o ser discente aprender e repassar conhecimento adquirido, mas através do jornal, revista, livro ou internet tudo se torna mais fácil de apreender e adquirir estudo concreto e seletivo. O aluno tem a função de aprender e o professor de ser coadjuvante no ensino didático e básico de cada ser. O coração de professor vê-se feliz quando o estudante passa de ano e tem bom rendimento escolar e adquire independência nos estudos. Isso é alegria para muitos e todos porque o que mais importa para o professor é ensinar do que simplesmente receber salário, para a maioria dos mestres. A corrente de estudos é ser feliz em ensinar e também em aprender, pois somos feitos seres aprendiz antes do que qualquer vertente somatória existente. O amor pela educação deve ser de tudo e de todo um bem nacional que deve enternecer os paradigmas de palavras sensatas e sábias em corações em aprender. O sonho de um professor é ganhar para ensinar e ensinar para ganhar porque a verdadeira chama de aprender é no amor divino do estudo pelos próximos e próximos estudantes. Coniventes que a dor é quando se sente algo, estudar gera uma alegria intensa em quem gosta, de se aprender e ser seletivo para estudar, e, querido, para entender o professor. A educação é vertente de amar e ser bem feito porque somos uma humanidade sedenta de conhecimento e cheia de fervor pelo amor a educação e presentes. Como o educar deve ser pleno a atitude do estudante é amar e viver em cada sentimento puro e nobre, distinto e certo, reto e conciso o ato de aprender e se educar. Somos a educação presente que nós sonhamos. Ainda falta muito.
Gumer Navarro
Enviado por Gumer Navarro em 07/07/2019
Código do texto: T6690562
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gumer Navarro
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
1476 textos (5295 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/10/19 03:17)
Gumer Navarro