Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Você me ama?

Pedro, tu me amas?
Senhor, Tu sabes que te amo.
Pedro, tu me amas?
Senhor, Tu sabes que te amo.
Pedro, Tu me amas?
Senhor, Tu sabes que te amo.
Então, Pedro, apascenta as minhas ovelhas.
Essa passagem bíblica me fez refletir muito esses dias. Veio ao meu coração por algumas experiências vividas. Entrou e esquadrinhou a minha vida e me fez voltar a escrever e postar aqui.
Fiquei pensando nas oportunidades perdidas. Fiquei pensando nas decepções vividas, porém, pensei mais ainda nas lições aprendidas com todas as experiências.
Quando Jesus questionou Pedro sobre amá-lo, Ele já sabia a resposta, porém, precisava ouvi-la de Pedro e fazê-lo refletir sobre esse amor.
Constantemente falamos em amor e, muitos com belos discursos, entretanto uma vida tão vazia e de aparências. Confesso que, cometo esses erros também. Não é fácil ser cristão nesse século. Não é fácil ser gente nesse século. Não é fácil andar na contramão de uma sociedade, que proclama o mal.
Falar que ama a Deus e não demonstrar amor aos outros, é hipocrisia.
Falar que ama a Deus e colocar tudo, tudo, tudo em primeiro lugar - é hipocrisia. Quem ama faz. Quem ama ora. Quem ama clama. Quem ama chora aos pés do mestre.
Amar não exige performance ou participar de uma igreja. Amar é não olhar circunstâncias e seguir.  E como é difícil amar!
Às vezes os negócios são mais importantes que Deus, embora você diga que o ama. Por tempo, você intitula alguns deuses na sua vida: carro, futebol, namorada (o), filhos, amizades, empregos, televisão e, se esquece que amar é entrega.
"Foi por isso, que Eu fechei as portas. Para ver se você lembrava de mim. Seu facebook, twitter são mais importantes que Eu. Você passa mais tempo com eles, do que comigo - A Carta de Deus para você."
Deus quer ser prioridade nas nossas vidas e ter a resposta que precisa nas nossas ações.
Você, me ama?
Claro, Senhor, que amo, por isso, vou apascentar as suas ovelhas.
E quantas ovelhas!! Moradores de rua, crianças, adolescentes, jovens, adultos. Quantas oportunidades de apascentar. Um abraço, um ombro amigo, um conselho, um gesto de carinho qualquer, um prato de comida. A gratidão por algo ou alguém. Uma palavra de conforto a quem precisa. Uma visita. Uma oração. Uma oferta. Quantas maneiras de praticar o amor.
Nunca esse versículo teve tão significado na minha vida como essa semana. Nunca senti-me tão pequena e ao mesmo tempo tão grande, com esta palavra direta ao meu coração. Como se o que me cegasse, fosse tirado. E foi. Aleluia. Não há religião - há Deus.
Não há nomes - há Deus.
Há amor. Há fé. Há coragem. Há disposição. Há amor.
COLOQUE DEUS EM PRIMEIRO LUGAR E TODAS, TODAS, TODAS AS OUTRAS COISAS VOS SERÃO ACRESCENTADAS.
Paula Cristina
Enviado por Paula Cristina em 23/07/2017
Reeditado em 23/07/2017
Código do texto: T6062474
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Paula Cristina
Louveira - São Paulo - Brasil, 44 anos
147 textos (6718 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 16:30)
Paula Cristina