Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESCRAVO SUBMISSO



Escravo submisso dos meus vis devaneios
Prisioneiro vassalo dos meus torpes desejos
Vem agora saciar os mais doidos enleios
Enfurecendo minha libido com os seus beijos.

Vem tocando meu corpo, sorvendo os seios
Como a sua "Domme", assim eu te manejo
Escravo submisso dos meus vis devaneios
Prisioneiro vassalo dos meus torpes desejos.

Satisfaça as taras, as fantasias e entremeios
Porquanto em seu falo obscena eu pelejo
Açoitando as volúpias, e os fetiches vareios
Em seus lábios tal qual oceano que eu velejo
Escravo submisso dos meus vis devaneios.




►Click no link abaixo e leia:
MEU ÚMIDO SEXO
CléiaFialho
Enviado por CléiaFialho em 09/05/2017
Reeditado em 01/07/2017
Código do texto: T5994569
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (**RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS**INCENTIVAMOS A DIVULGAÇÃO COM AUTORIA**É UM DIREITO DO CRIADOR QUE SE DEDICOU A COMPOR**E UM DEVER DO LEITOR QUE APRECIOU A OBRA**(Manu Hawk). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
CléiaFialho
Gravataí - Rio Grande do Sul - Brasil, 45 anos
1367 textos (49670 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 13:42)
CléiaFialho

Site do Escritor