Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O MEU CARNAVAL FOI RECLUSO.


O meu carnaval foi recluso em meu quarto solitário,
Dotado de poucos armários muitas aranhas nas paredes,
Com um acesso a internet, e uma TV ligada em rede,
Aqui nascem as poesias dentro de quatro paredes.

Em minhas meditações tenho sentimentos temerários,
Mas como poeta que sou concluo ser mais um enredo,
O meu carnaval foi recluso em meu quarto solitário,
Dotado de poucos armários muitas aranhas nas paredes.

Entre uma escola e outra intercalando com os blocos,
Vistos pela televisão não me arrisquei a ver em loco,
Alguma cenas me tomaram por completo as visões,
Certas mulheres aviões já prontas para decolarem,
O meu carnaval foi recluso em meu quarto solitário.

LUSO POEMAS, 05/03/17
Miguel Jacó
Enviado por Miguel Jacó em 05/03/2017
Código do texto: T5931589
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Jacó
Taubaté - São Paulo - Brasil, 60 anos
2663 textos (158627 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/03/17 21:34)
Miguel Jacó