Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DISFUNÇÕES SEXUAIS

Em quase todas as participações nas rádios, TVs, e jornais, sobra-nos uma certeza: apesar da revolução sexual, que admitem, está acontecendo, esta revolução é tão atabalhoada, como todas as outras.
Progresso é resultado de planejamento, estudo, conhecimento.
Falar sobre sexo é muito bom, gratificante, pois percebemos que a população, em sua esmagadora maioria, não sabe o suficiente, para por em marcha a sua revolução.
Procuramos falar sobre isto a todo instante onde somos convidados a participar. E apesar de inúmeros e1/2s recebidos, nenhum deles fala na primeira pessoa. Todos perguntam sobre dúvidas de "um amigo", mesmo que acabem dando detalhes tão íntimos, que nenhum amigo daria a outro.
Assim, resolvemos acabar com as dúvidas mais importantes de nossos leitores, abrindo o jogo, e demonstrando a realidade das disfunções sexuais.
Nossa intenção não é fazer sensacionalismo, mas tirar o preconceito da cabeça de quem vê no sexo "a mula sem cabeça", esclarecer que não é pecado, nem vergonhoso, ter dúvidas sobre este importante assunto. Pecado e vergonhoso é deixar de resolver os seus problemas sexuais, que a nosso ver, Deus nos deu este prazer, para que fôssemos mais felizes e O deixássemos um pouco em paz, buscando pensar nele, na hora em que está ocorrendo um orgasmo gratificante, fruto de um amor maravilhoso. Temos certeza, de que nesta hora, ele fica feliz e sente que compreendemos o valor de sua dádiva.
Vamos mais longe: acreditamos que a maioria das pessoas que não buscam o prazer de um sexo sadio, são infelizes e mesmo aquelas que o sublimam, como ocorre com o Cloreto de Mercúrio (sublimado corrosivo), se corroem internamente, pois poderiam dedicar-se a suas nobres causas, sem deixar de provar a Deus, que são capazes de tentar buscar a felicidade completa.
Não pretendemos mudar a fé de ninguém, mas não seremos hipócritas a ponto de esconder a verdade, que a Medicina tem provado.
E se cremos que Jesus era um Médico maravilhoso, porque fugir da realidade, de tão sublime ramo da ciência?
Segue portanto uma visão da Classificação Internacional dos Distúrbios Sexuais, que frisamos: "Bancar o avestruz, pode ter consequências terríveis na sua saúde, no seu relacionamento afetivo e social".
____________________

Falta ou perda de desejo sexual
Ø Não impossibilita o prazer ou a excitação sexual
Ø Dificulta a iniciação da atividade sexual
Ø Inclui Frigidez e Transtorno Sexual Hipoativo (diminuído)

Causa: Não orgânica, quase sempre ligada a vivências ruins ou mesmo traumas psicológicos
____________________

Aversão sexual ou Falta de prazer sexual

Ø Na Aversão Sexual há a associação a fortes sentimentos negativos e produz medo ou ansiedade suficientes para que a atividade sexual seja evitada.
Ø Na Falta de Prazer Sexual as respostas sexuais ocorrem normalmente e o orgasmo é experimentado, mas há uma queixa de falta de prazer apropriado. Mais comum em mulheres que em homens.
____________________

Falha de resposta genital

Ø Nos homens há uma dificuldade em desenvolver uma ereção adequada. A causa é psicogênica (de origem psicológica) se ocorre ereção fora da relação sexual, como nos sonhos ou na masturbação. Há necessidade de uma boa investigação, para avaliar a origem da causa.
Ø Nas mulheres pode ocorrer clitóris flácido, ressecamento vaginal ou falha de lubrificação. A causa pode ser psicogênica, patológica ou por deficiência de estrógenos. Daí a necessidade de uma boa investigação.
____________________

Disfunção Orgásmica

Ø O orgasmo não ocorre ou está muito retardado.
Ø Pode ser situacional, ocorrendo apenas em certas situações, ou constante, quando fatores físicos ou constitucionais não podem ser facilmente excluídos, exceto por uma resposta positiva a tratamento psicológico.
Ø Ocorre mais em mulheres que em homens
____________________

Ejaculação Precoce

Ø Ocorre quando uma incapacidade de controlar a ejaculação, impedindo que ambos os parceiros gozem o ato sexual.
Ø A ejaculação pode ocorrer antes que aja penetração vaginal ou mesmo na ausência de uma ereção.
Ø Às vezes é diagnosticada erroneamente, se há ereção retardada, que exige manipulação demorada do pênis, ou se há falta ou perda de desejo sexual na mulher, o que acarreta ansiedade e ejaculação rápida no homem.
Ø Estamos observando uma correspondência feminina à ejaculação precoce, que nomeamos "Vagina Fugidia". Temos o relato de algumas clientes, que nos relatam ser parceiras mais rápidas em atingir o orgasmo, que seus companheiros e que embora não o façam propositadamente, "têm uma verdadeira ejaculação de secreções, com o orgasmo", que é seguida de contrações no terço anterior da vagina, expulsando o pênis.
Muitos estudantes e autores de sexologia que foram noticiados por mim do fato constatado, tentaram me convencer inutilmente que trata-se apenas de uma emissão profusa de secreções vaginais, que às vezes, tornam a vagina tão escorregadia, que o pênis não consegue permanecer penetrado. Quando inquiro sobre se estes casos, que também conheço, são seguidos de contrações do terço anterior da vagina, desconhecem este fato. Portanto, acredito que sejam reais, como descrevo.
______________________________________

Vaginismo não-orgânico

Ø Ocorre um fechamento da abertura vaginal, por contratura dos músculos que circundam a vagina
Ø A penetração do pênis é impossível ou muito dolorosa.
Ø Vaginismo pode ser uma reação secundária a alguma causa local de dor, caso no qual esta classificação não deve ser usada.
____________________

Dispareunia não-orgânica

Ø Ocorre dor durante a relação sexual, tanto em mulheres como em homens e normalmente associada a intensos fatores psicológicos
Ø Deve ser diferenciada do Vaginismo ou do ressecamento vaginal de causa orgânica.
____________________

Impulso sexual excessivo

Ø Há uma queixa de impulso sexual excessivo, como um problema por si só.
Ø Usualmente ocorre no final da adolescência ou no início da vida adulta.
Ø Pode ser conseqüência de um distúrbio afetivo, no Transtorno-obsessivo-compulsivo, ou no início da demência.
Ø Inclui ninfomania (busca insaciável em seduzir, sem contudo, conseguir orgasmo) e satiríase (devassidão)
____________________

Causas comuns de demora no ajustamento sexual

Ø 1 – Desconhecimento do próprio corpo
Ø 2 – Desinformação sexual =>> Preconceitos, mitos e tabus
Ø 3 – Intervenções traumáticas no processo educativo
Ø 4 – Fatores físicos e constitucionais
Ø 5 – Presença de outras patologias psicológicas, ou psicossomáticas, como depressão, ansiedade, transtornos obsessivo-compulsivos, uso de drogas, incluindo o álcool e o fumo.
____________________

Dicas simples que ajudam

Ø 1 – Sexo é feito a dois, com amor e sedução. O que queremos sempre é o amor maduro, completo.
Ø 2 – A mulher é muito sensível, precisando ser aquecida, para se soltar e obter a satisfação sexual. Nunca parta para “os finalmente”, sem que ela esteja bem excitada. Estimule-a a tomar a iniciativa sexual. Lembre-se: a mulher se frustra irremediavelmente, se tratada como objeto de prazer.
Ø 3 – Todo homem pode ter ocasionalmente insucesso em sua ereção, ou ejaculação precoce. Se criticado pode passar a ter medo de não conseguir e aí o processo tenderá a se repetir.
Ø 4 – Não faça sexo por obrigação. Deixe-se envolver pelos carinhos do outro e poderá chegar a uma relação gostosa, sem planejamentos.
Ø 5 – Evite fazer sexo em horas ou prazos marcados; isto torna o ato repetitivo, sem molho. Esta é a principal causa de uniões desfeitas.
Ø 6 – Nunca coloque sua felicidade na mão de outra pessoa. Busque ajuda, se não conseguir gostar muito de você. Lembre-se: quem vive ajudando aos outros, precisa primeiro se ajudar.
Ø 7 – Sexo é a melhor forma de prazer, portanto, de estar feliz e saudável. Pratique-o para melhorar seu astral e manter-se em boa forma.
____________________
Quebrando um tabu
   Muitas pessoas não comentam, ou admitem que na infância tiveram experiências sexuais homossexuais.
   A principal causa de não admitirem terem praticado esta experiência prazerosas, se deve aos preconcei-tos homossexuais, existentes ao final da adolescência.
   Isto se deve  uma ignorância social, com o fato de conceber como anormal, amarmos e nos sentirmos felizes com este prazer, independente do gênero masculino, ou feminino de nossas amizades infantis.
   Mantenha-se bem informado sobre este e também sobre outros assuntos interligados.
   Lembre-se: ignorância é a fonte de criação de preconceitos.
   Se tiver dúvidas, convide-nos a ministrar um Curso sobre "Formação de Orientadores Sexuais", que se destina a pais mestres e todo o pessoal da área de Ciências Humanas.
______________________________

   Dr. Márcio Funghi de Salles Barbosa
   CREMESP 14.335
   Psiquiatra, Psicoterapeuta, Sexólogo e Perito Médico Judicial
   Fone: (021-19) 3541-1754
   ARARAS – SP.
Marcio Funghi
Enviado por Marcio Funghi em 30/12/2016
Código do texto: T5867551
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Dr. Márcio Funghi de Salles Barbosa - www.drmarcioconsigo.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcio Funghi
Araras - São Paulo - Brasil
538 textos (104502 leituras)
17 áudios (3140 audições)
25 e-livros (42967 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 03:11)
Marcio Funghi