Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Saudades do meu SERTÃO

Em riba do meu cavalo
campiei por esse torrão
a cangaia no jumento
levava a água pro sertão
E assim eu fui vivendo
com aquela esperança
de ter chuva em nossa terra
Era um sonho de criança.

Meu pai tangendo o gado
E eu ali a gritar
Saia desesperado
Pra mode o boi poder espantar
Com a roupa cheia de carrapicho
Eu voltava do mato correndo
Minha mãe com a cabeça na janela
Ficava lá de casa só vendo

E de lá ela gritava
Vem pra casa almoçar
Mas antes vá na cacimba
pegar água pra banhar
E assim lá vinha eu
Todo cheio de emoção
O que resta é só lembrança
Do meu querido sertão.
Prof Sebastião Dias
Enviado por Prof Sebastião Dias em 16/06/2017
Reeditado em 16/06/2017
Código do texto: T6029120
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original (AUTORIA DE SEBASTIÃO DIAS). Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Prof Sebastião Dias
Araripina - Pernambuco - Brasil, 31 anos
61 textos (2318 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 10:08)
Prof Sebastião Dias