Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EROTIZAÇÃO INFANTIL.

Quem tem mais de trinta anos provavelmente irá se lembrar de brincadeiras antigas do tipo: "mãe da mula, esconde e esconde, polícia e ladrão, cobra cega", e muitas outras (óbvio que a depender da região há um tipo de brincadeira). Divertimentos como estes era tudo que a criançada gostaria de ter. Como era bom passar a tarde correndo, se escondendo, pulando, etc, junto dos amigos. Seria como se só existisse Deus no céu e as brincadeiras na terra (óbvio que é exagero). Também é verdade que a "meninada" de hoje ainda brinca e muito disso tudo. Muitas delas, principalmente aquelas com menor poder aquisitivo financeiro continuam a se divertem com tais tradições passadas entre gerações. Só que infelizmente as coisas já não são mais as mesmas. Muita coisa já  mudou. E, com um  detalhe importante: a mudança foi para pior. Uma destas transformações está relacionada a sexualidade infantil que podemos traduzir para "erotização infantil". Sim. Crianças que deveriam brincar e se divertir, ou seja, ser apenas uma criança, hoje tragicamente agem de forma precoce como adultos mirim. "Músicas, programas televisivos e determinados grupos ideológicos de esquerda" com a colaboração de muitos pais, têm transformado o sexo sagrado que deveria ser praticado por adultos conscientes,  em sexualização infantil. Outro dia eu  presenciei em determinado lugar uma criança de seis ou sete anos no máximo cantando e dançando de forma erótica a letra de uma música na mais pura normalidade. A "canção" dizia que "pegava fulana assim,  beijava sicrano assado" e assim por diante. Talvez a esta altura do campeonato alguém poderia me chamar de quadrado ou coisa do gênero. Pode até ser. Mas, o fato é que nossas crianças devem (ou deveriam) ser apenas crianças sem malícias e sem maldades impostas por nossa sociedade saturada de sexualidade. Porque sexo é uma delicia,  porém, quando praticado por gente consciente do que esta fazendo. Do contrário, estaremos fadados a uma futura geração de adultos com a suas sexualidades extremamente disfuncionais. É bom ficarmos atentos......

Vidabela
Enviado por Vidabela em 19/05/2017
Código do texto: T6003898
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vidabela
São Paulo - São Paulo - Brasil, 39 anos
537 textos (7609 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/11/17 09:15)
Vidabela