Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANSIEDADE

A lvitana agitava-se na areia.
N adadeiras debatiam-se desesperadas.
S entia os tormentos daqueles seres.
I mpotentes perante a cilada.
E xistência que assinalava.
D estino triste e cruel.
A queles que o mar habitavam.
D espedir-me daquela cena impressionado.
E ntendi que nesta vida, todos temos um legado.
Sebastião Vendelino Reinert
Enviado por Sebastião Vendelino Reinert em 08/09/2017
Código do texto: T6108297
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sebastião Vendelino Reinert
Joinville - Santa Catarina - Brasil, 50 anos
44 textos (949 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/17 13:29)
Sebastião Vendelino Reinert

Site do Escritor